“Aponte um motivo que eu poderia ter para matar Marielle”

presidente Jair Bolsonaro se defendeu das acusações que relacionam a morte de Marielle Franco a pessoas ligadas ao Executivo federal. Em uma live nesta quinta-feira (7), Bolsonaro afirmou: “Alguém me aponte um motivo que eu poderia ter para matar a Marielle Franco”.

A declaração aconteceu enquanto ele comentava a não aceitação na Câmara dos Deputados do regime de urgência do PL das Fake News, de Orlando Silva (PCdoB-SP). O parlamentar autor do texto publicou em uma rede social que “áudios da irmã de Adriano da Nóbrega levam o assassinato para dentro do Palácio do Planalto”.


FONTE : R7


Deixe um comentário