Microsoft acabará com a venda de downloads do Windows 10 em 31 de janeiro

No final deste mês, a Microsoft deixará de vender downloads do Windows 10 Home e Pro. Os arquivos serão retirados mais de dois anos antes de a Microsoft encerrar oficialmente o suporte para o Windows 10 em 14 de outubro de 2025. Os downloads contêm chaves de licença para o Windows 10 (necessárias para ativar e utilizar o download).

A Microsoft atualizou recentemente suas páginas de produtos do Windows 10 para observar a data limite de vendas de 31 de janeiro, mas não está claro como a empresa tratará downloads e chaves de licença semelhantes disponíveis em varejistas como a Amazon. Pedimos à Microsoft que comentasse sobre as chaves de licença do Windows 10 e downloads de varejistas terceirizados, mas a empresa apenas confirmou seus próprios planos de remover suas próprias vendas.

“Foi feita uma atualização na página do produto Windows 10 para garantir que os clientes tenham as informações mais recentes sobre as opções de compra do Windows 10”, disse Amy Bartlow, diretora de marketing do Windows. “Os clientes têm até 31 de janeiro de 2023 para comprar o Windows 10 Home e o Windows 10 Pro neste site.” A Microsoft está naturalmente recomendando o Windows 11 e aponta que o Windows 10 continuará a ser suportado até o fim de sua vida útil em outubro de 2025.

Embora a Microsoft esteja diminuindo suas próprias vendas do Windows 10 para os consumidores, é provável que as chaves de licença do Windows 10 e até mesmo laptops e PCs com o sistema operacional pré-instalado ainda estejam disponíveis por terceiros por algum tempo antes que a Microsoft pare de oferecer suporte ao sistema operacional.

A Microsoft lançou originalmente o Windows 10 em julho de 2015, com foco em feedback e iteração rápida. O sistema operacional seguiu o Windows 8, que foi amplamente criticado por remover o tradicional menu e botão Iniciar e adotar uma interface de primeiro toque. O Windows 10 também foi a primeira versão do Windows da Microsoft a ser executada como um serviço, continuamente atualizada e até mesmo considerada “ a última versão do Windows ” em um ponto.

Deixe um comentário