OnePlus 11 vai de zero a 50% de bateria após apenas 10 minutos na tomada

O OnePlus 11 foi apresentado oficialmente nesta quarta-feira (4), após vazamentos em série que puderam criar uma perspectiva robusta do que viria pela frente. Por cifras a partir de 3.999 yuans, equivalentes a R$ 3.170 em conversão direta, o celular foi anunciado apenas no mercado chinês. As demais versões, com espaço maior para dados, podem chegar a 4.999 yuans (R$ 3.970). Por mais que o acesso ao modelo esteja restrito, a expectativa é que ele desembarque no mercado global em breve, em 7 de fevereiro.

O primeiro telefone premium revelado pela marca OnePlus neste ano traz em sua ficha técnica componentes como o recém-lançado chip Snapdragon 8 Gen 2 e armazenamento que pode variar entre 256 GB e 512 GB. Para completar essa parte das especificações, vale evidenciar a memória RAM que pode chegar a 16 GB, o que atenderia aos anseios de usuários muito exigentes.

O conjunto fotográfico triplo também deve chamar a atenção do público. O sensor principal tira fotos de 50 megapixels, a ultra wide faz registros de 48 megapixels com ângulo ampliado, e a câmera teleobjetiva faz retratos aproximados com 32 megapixels. Usuários poderão fazer selfies de 16 megapixels.

Além da expectativa causada pelas especificações das lentes, o conjunto fotográfico também recebe destaque por ser fruto de uma parceria com a Hasselblad, fabricante de câmeras sueca conhecida pela qualidade – e pelo alto custo – do material comercializado.

Outra característica que evidencia o carro-chefe da OnePlus é suporte ao carregamento rápido que alcança potência de 100 W. Ele é usado para repor a bateria que contém 5.000 mAh de capacidade. Apesar de dispor de uma veloz tecnologia de recarga com fio, o telefone abre mão da versão wireless, o que pode desapontar adeptos da modalidade.

O novo OnePlus 11 reformula características vistas na geração anterior, sobretudo na traseira. Isso porque o módulo de câmera retangular deu vez a uma solução redonda para abrigar lentes. As cores disponíveis para o acabamento são preta e verde, e os recursos adicionais mencionam internet 5G, Bluetooth 5.3 e sistema Android 13 + OxygenOS 13.

Junto com o celular, a empresa também apresentou o fone de ouvido premium OnePlus Buds Pro 2. A composição inclui drivers dinâmicos de 11 mm e drivers de diafragma plano de 6 mm, com promessa de boa experiência sonora. Além disso, o dispositivo investe em cancelamento de ruído, proteção contra água e poeira IP54 e conectividade conferida pelo Bluetooth na versão 5.3.

A bateria pode durar entre cinco e nove horas, a depender da forma e dos recursos utilizados. A carga do estojo, por sua vez, chega a alcançar 39 horas de autonomia após uma recarga completa. O item pode ser encontrado, por ora em mercado chinês, por cerca de 899 yuans (R$ 710).

Com informações WCCFtech e My Smart Price

Deixe um comentário