Polkadot (DOT) se transforma em software

Novas informações sobre o Polkadot e a evolução de seu token nativo, DOT, de segurança para software foram divulgadas pela Web3 Foundation.

A transição inovadora foi realizada em parceria com a Securities and Exchange Commission (SEC) dos EUA e é o resultado de conversas aprofundadas que o negócio iniciou com a SEC nos últimos três anos.

DOT se transforma em software

O token DOT da Polkadot, inicialmente oferecido, vendido e entregue aos compradores como um título, foi transformado em software.

A Web3 Foundation, empresa responsável por executar as blockchains Kusama e Polkadot, anunciou a nova transformação do DOT, anunciando que o token não será mais oferecido como valores mobiliários para usuários e compradores interessados.

A declaração ainda diz:
Em seu terceiro aniversário de envolvimento proativo com a SEC, a Web3 Foundation anuncia hoje um passo marcante para a conquista da Web 3.0, uma internet descentralizada, sem confiança e sem servidor. O token nativo da blockchain Polkadot (DOT), inicialmente oferecido, vendido e entregue aos compradores como um título, se transformou e não é mais um título. É um software.

Em uma nova postagem no blog, Daniel Schoenberger, diretor jurídico da Web3 Foundation, revelou como a empresa se envolveu com a equipe FinHub da SEC em várias ocasiões ao longo de três anos para desenvolver uma “teoria viável de como a metamorfose de token poderia ser alcançada”.

A decisão de transformar o DOT em software ajudará a Polkadot a fugir dos crescentes interesses regulatórios da SEC no mercado cripto.

Nos últimos anos, a SEC adotou uma postura rigorosa em relação às criptomoedas, alegando que todos os criptoativos digitais são, de fato, valores mobiliários.

A crescente intervenção regulatória obrigou várias empresas de criptomoedas a pensar em soluções criativas que possam ajudá-las a navegar no novo regime regulatório.

Schoenberger também compartilhou como seu envolvimento com a SEC tem sido “positivo até agora”, alegando que a SEC recebeu reuniões com a fundação para ajudar a encontrar uma solução viável.

Deixe um comentário