Por que Goku come tanto no anime? Entenda!

Sendo um dos animes mais clássicos, não é de se surpreender que Dragon Ball tenha reunido uma gigante legião de fãs ao longo dos anos. Afinal, trata-se de toda uma geração que cresceu acompanhando a história dos personagens.

Desde sempre, um detalhe que sempre gerou dúvidas nos fãs foi o motivo pelo qual Goku come tanto!

O personagem é conhecido por sua fome insaciável e seus pratos já geraram boas piadas ao longo da trama. Porém, o que você talvez não saiba é que existe, de fato, um motivo pelo qual ele precisa de tanta comida. Vamos entender!

Por que Goku come tanto em Dragon Ball?

De acordo com o ScreenRant, um dos motivos mais simples e fáceis de entender é meramente o gasto calórico do personagem. Goku é um excelente lutador e, desde jovem, treina obsessivamente para melhorar as suas habilidades.

Além disso, ele vive sua vida enfrentando inimigos que exigem muito esforço por sua parte e também participa de torneios mundiais para alcançar a glória.

Todo esse treino não é em vão e, para garantir que ele sempre tenha energia para a luta, a comida tem um papel muito importante. Em complemento, também não podemos esquecer que Goku consegue voar para onde precisar ir, além de se transformar em Super Saiyajin e mudar a sua forma. Consequentemente, ele precisa de ainda mais energia!

É por isso que Goku come tanto e não engorda. Todas as calorias consumidas são transformadas em energia e usadas para manter o seu estilo de vida que, convenhamos, é mais ativo do que o de qualquer atleta que conhecemos!

Ainda de acordo com o ScreenRant, outro motivo que pode explicar a ingestão considerável do personagem é também seu corpo de Saiyajin. Na série original, os hábitos alimentares de Goku eram considerados uma anomalia, enquanto em Dragon Ball Z já existem mais Saiyans que comem quase tanto quanto ele. Portanto, não trata-se mais de algo fora do comum.

Os Sayajins têm necessidades específicas e o corpo consegue queimar calorias com muito mais facilidade. Para fortalecer os músculos e acompanhar a rotina, é necessária uma dieta que não se caracteriza exatamente como balanceada.

Deixe um comentário